CRÍTICAS

Últimas postadas

Últimos posts

20 de outubro de 2017

Crítica: Slasher | 2ª Temporada (2017)


Ano passado, o canal Chiller TV, dedicado apenas à programação de terror, resolveu se arriscar nas antologias e lançou Slasher, uma série cujo nome já diz tudo. A cada temporada, iremos embarcar num novo mistério com um assassino diferente e mortes violentas e criativas, assim como o subgênero costuma entregar. O primeiro ano, subtitulado popularmente como The Executioner, acompanhava a história de Sarah (Katie McGrath), uma moça que volta pra sua cidade natal, onde seus pais foram assassinados quando ela nem havia nascido ainda. Sua volta coincide com assassinatos brutais realizados por um assassino mascarado que se chama de "O Carrasco". Como vocês podem ver na nossa crítica, a temporada teve mais erros do que acertos e restou apenas uma grande vontade de ver o conceito do show ser melhor trabalhado.

18 de outubro de 2017

Crítica: Channel Zero - Candle Cove | 1ª Temporada (2016)


Já faz tempo que o canal Syfy e a palavra "qualidade" não figuram na mesma frase. Conhecidíssimo pelas suas exageradas produções com péssimos efeitos e que agradam apenas adoradores de trash (e às vezes nem eles gostam), o canal americano lançou no ano passado a série de horror Channel Zero, pegando carona na ideia de outra série, a American Horror Story. O esquema é o seguinte: cada temporada é baseada em uma famosa creepypasta (aqueles contos que estão espalhados pela internet). Acredite ou não a série já tem quatro temporadas confirmadas (com a segunda sendo exibida agora mesmo). Acredite ou não, a série é boa.

17 de outubro de 2017

"Halloween": Do pior ao melhor


Chegamos em Outubro novamente e esse mês é o tempo perfeito para falar de Halloween! A franquia iniciada em 1978 por John Carpenter fez com que o escuro fosse mais assustador do que já era. A figura mascarada que atende por nome Michael aterrorizou uma jovem chamada Laurie Strode na noite de Halloween em 1978 e deu início a um reino de terror que perdurou por 9 filmes. Embora a franquia no geral seja bem bagunçada em termos de cronologia, vamos rankear os 9 filmes, com exceção do terceiro que não tem nada a ver com o Michael. Lembrando que o rank é apenas pessoal e vocês podem comentar a sua ordem de preferência dos filmes abaixo! 

16 de outubro de 2017

Crítica: A Crucificação - Demônios São Reais (2017)


Alguém precisa dar um basta nos filmes sobrenaturais. Sério. Após quase uma interminável década, já é bem perceptível os desgastes que esses tipos de filmes, uma tendência após hits como Atividade Paranormal (2009), Sobrenatural (2011) e Invocação do Mal (2013), levam em suas produções, algo que fica ainda mais claro ao ver A Crucificação, novo filme do francês Xavier Gens, que impressionou a todos com sua violência gráfica em A Fronteira (2007) mas que aqui faz um trabalho visualmente bonito em um filme sem um pingo de inspiração.

14 de outubro de 2017

Crítica: A Morte Te Dá Parabéns (2017)


"Hoje é o 1° dia do resto da sua vida"

Quando se fala em slasher logo nos vem à cabeça o nomezinho Wes Craven, responsável por dar um frescor ao subgênero usando a metalinguagem em sua narrativa. Mas nós sabemos que muito antes disso o público já se assustava com "O Massacre da Serra-Elétrica" (1974), "Halloween" (1978), "Sexta-Feira 13" (1980), "Dia dos Namorados Macabro" (1981) e uma infinidade de filmes e seus assassinos mascarados.

Crítica: A Babá (2017)


Chegou nas plataformas mundiais da Netflix nesta sexta-feira 13, o filme A Babá (The Babysitter), dirigido por McG (As Panteras). Lembro-me de quando o projeto foi anunciado há dois anos, quando ainda seria produzido pela New Line Cinema e distribuído nos cinemas - mas foi vendido para o serviço de streaming. Antes de começar de fato a falar sobre o filme, gostaria de comentar sobre algo que venho percebendo há um bom tempo e que irei decorrer mais detalhadamente no artigo sobre slashers que postarei em algumas semanas. Parece que estamos testemunhando um retorno silencioso do gênero mas de uma forma diferente. As últimas tentativas de ressuscitar os slashers vem sido feitas com um tom de humor. Exemplos? Você É O Próximo (2011), Girlhouse (2015), Terror nos Bastidores (2016), Scare Campaign (2016), A Morte Te Dá Parabéns (2017), entre outros. Será esta uma forma acessível de reintroduzir os slashers para o novo público depois da extrema saturação na década passada?

11 de outubro de 2017

Primeira imagem de "Os Estranhos 2"!

Se preparem, pois os estranhos estão chegando!

A Bloom Pictures divulgou a primeira imagem da aguardada sequência Os Estranhos 2, que inclusive ganhou sua data de lançamento e até novo título. O filme se chamará Strangers: Prey at Night (Estranhos: Caçada à Noite) e será lançado nos Estados Unidos dia 9 de Março de 2018, então anotem no calendário.

Crítica: 12 Feet Deep (2017)


Gosto muito de filmes onde os protagonistas passam por uma situação extrema ou se mistura o terror com o acaso. Por exemplo "Águas Rasas" onde a protagonista é testada ao ultimo para sobreviver no mar contra um tubarão. Apesar do filme ser manjado em algumas partes, o que te deixa mais tenso na cadeira é o limite físico e emocional que ela é colocada a prova.